COMO A ARTE SE APRESENTA?

As manifestações artísticas se expressam de diferentes formas.
                               De acordo com a evolução o homem encontra novos meios para manifestar suas emoções, seus pensamentos, idéias e descobertas.
As novas tecnologias da
comunicação e informação possibilitam distintas maneiras de codificar a informação.
Diante desta mais recente alquimia tecnológica surgem diferentes
 construções textuais com uma sintaxe ainda não familiarizada em nosso contexto educacional.

Ao direcionarmos nosso olhar para a linguagem audiovisual, agora
potencializada pela tecnologia digital, não é difícil de constatar a enorme capacidade de envolvimento emocional proporcionada por esta linguagem.

A questão, para a qual pretendemos focar nossa atenção,

 é a inserção do audiovisual no espaço da sala de aula.
 Acreditamos que a interface entre Comunicação e Educação apresenta-se como condição

essencial para promover uma nova mediação pedagógica,
que requer um redimensionamento da ação
dos sujeitos da aprendizagem na atualidade.

Desta forma apresentamos algumas maneiras de como a arte se apresenta.

 

 

 

                       ARTE DIGITAL

Arte digital - Wikipédia

Arte digital ou Arte de computador

 é aquela produzida em ambiente

gráfico computacional. Utiliza-se de processos
 digitais e virtuais.
Inclui experiências com net arte, web arte,
vídeo-arte, etc. Tem o objetivo de dar
 vida virtual as coisas e
 mostrar que a arte não é feita só a mão.
Existem diversas categorias de arte

digital tais como pintura digital, gravura digital,  
programas de modelação 3D, edição de fotografias e imagens, animação, entre outros. Os resultados
podem ser apreciados em impressões em papéis especiais ou no próprio ambiente

gráfico computacional. Vários artistas usam estas técnicas. Ao contrário dos meios tradicionais,

o trabalho é produzido por meios digitais. A apreciação da obra de arte pode ser feita

 nos ambientes digitais ou em mídias tradicionais. Existem diversas comunidades virtuais
voltadas à divulgação da Arte Digital, entre elas, Deviantart e CGsociety 

 

 

 

 

    DANÇA 

A dança é uma arte. É um conjunto de regras para
realizar algo com perfeição.

 Exige habilidade e compromisso ao dedicar-se, todavia é uma forma

de expressão artística coordenada, que carece de sentimentos e idéias

através do movimento corporal.

 Na maior parte dos casos, a dança, com passos cadenciados é

acompanhada ao som e compasso de música e envolve a
expressão de sentimentos potenciados por ela.

 

 

 

                            MÚSICA

 

A música apesar de toda a discussão já apresentada, quando
composta e executada deliberadamente é considerada arte por

qualquer das facções. E como arte, é criação,

representação e comunicação. Para obter essas

finalidades, deve obedecer a um

 método de composição, que pode variar desde o mais

simples (a pura sorte na música aleatória), até os mais complexos.

 Pode ser composta e escrita para permitir a execução idêntica
em várias ocasiões, ou ser improvisada e ter uma existência efêmera. A música

dos pigmeus do Gabão, o Rock and roll, o Jazz,

a música sinfônica, cada composição

ou execução obedece a uma estética própria, mas todas cumprem

os objetivos artísticos: criar o desconhecido a partir de elementos conhecidos;
manipular e transformar a natureza; moldar o futuro a partir do presente.

 

 

 

CINEMA

 

O cinema, abreviação de cinematógrafo, é a técnica de
projetar fotogramas (quadros) de forma rápida e sucessiva
 para criar a impressão de movimento ("kino" em grego

 significa movimento e "grafos" escrever ou gravar),

bem como a arte de se produzir obras estéticas,
narrativas ou não, com esta técnica.Como

 registro de imagens e som em comunicação, o Cinema também é uma mídia.

 

 

 

TEATRO

 

 

A palavra teatro define tanto o prédio onde podem se apresentar várias
formas de artes quanto uma determinada forma de arte.

O vocábulo grego Théatron estabelece o lugar físico

 do espectador, "lugar onde se vai para ver". Entretanto

 o teatro também é o lugar onde acontece o drama frente à audiência,
complemento real e imaginário que acontece no local de representação.
Ele surgiu na Grécia antiga, no século IV a.C..

Toda reflexão que tenha o drama como objeto precisa se apoiar numa tríade:

quem vê, o que se vê, e o imaginado. O teatro é um fenômeno que existe

nos espaços do presente e do imaginário, e nos tempos individuais e
coletivos que se formam neste espaço.

O teatro é uma arte em que um ator, ou conjunto de atores, interpreta uma

história ou atividades, com auxílio de dramaturgos, diretores e técnicos,

 que têm como objetivo apresentar uma situação e despertar sentimentos na audiência.